sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

Suco de fumaça

A última de Bernardo, meu filho de 3 anos. Ele entra na cozinha correndo e pede, ou manda - já que o imperativo costuma ser seu tempo verbal preferido quando bate a fome ou a sede:

- Quero suco de fumaça!

Reação da babá Ivone, da avó Sebastiana e de quem mais estiver por perto:

- O quê, menino? Suco de fumaça?

- Quero suco de fumaça!

- Não tem não. Não existe suco de fumaça!

- Tem sim. Quero suco de fumaça!

Minha mãe vai abrir, por outro motivo qualquer, a porta de um armário onde guardamos remédios e, pronto, o mistério se desfaz.

- Dona Sebá! - exclama Ivone - Já sei o que é o suco de fumaça de Bernardo. É Vitamina C!

Pensando bem, pra quem chama água de coco de "suco de coco", faz sentido "suco de fumaça" ser aquele tablete de vitamina C se desmanchando no copo de água, xiiiii, como se fosse uma nuvem se dissolvendo.

3 comentários:

ana sua mana disse...

comprei suco de fumaça hoje cedo, pra ver se evito um resfriado que anda querendo dar o ar da graça. quando tomar o próximo, vou fazer um brinde em homenagem a bernardo...beijins.

Katja disse...

Oi Tião....ótimo...lembro do Marcelo, Marmelo, Martelo...que mudava o nome de tudo!!!
beijos
Katja

Inácio França disse...

craque de bola esse Bernardo!